Como aproveitar melhor o espaço de apartamentos amplos?

É muito comum encontrarmos por aí dicas sobre decoração de apartamentos pequenos, visto que eles ocupam boa parte do espaço disponível atualmente. No entanto, se você adquiriu um apartamento amplo junto à imobiliária, também é importante tomar cuidado com a decoração. Isso porque, muitos acreditam que justamente por serem maiores, podem abrigar mais objetos decorativos, móveis e afins. Contudo, isso pode ser um grande tiro no pé, visto que os ambientes podem passar a sensação de serem menores, ou seja, o efeito oposto que o desejado.

 

Portanto, se você está perdido, não se preocupe e acompanhe o post de hoje até o fim, acompanhando nossas dicas para aproveitar da maneira certa os espaços de seu novo apartamento.

 

  1. Paleta de cores

 

É importante ter em mente que as cores impactam diretamente no bem-estar dos usuários no ambiente, assim como na beleza e aconchego do espaço. Justamente por isso, precisam ser escolhidas com cuidado e atenção, podendo modificar o cômodo por completo e transformá-lo. Sendo assim, se preferir cores mais ousadas, lembre-se que em áreas grandes, podem causar desconforto visual com o passar do tempo. Portanto, o ideal, e recomendado por especialistas, é apostar em uma paleta neutra e deixar os tons mais fortes para detalhes ou apenas em uma parede.

 

  1. Hall de entrada

 

O hall de entrada é considerado um dos ambientes mais importantes de apartamentos amplos. Afinal, é o primeiro contato das pessoas com o imóvel, sendo essencial tomar alguns cuidados com sua decoração. Nesse sentido, deve-se priorizar não apenas a beleza do local, como também o conforto, mas sem deixar de lado o requinte. Sendo assim, é fundamental atentar-se à iluminação, que deve ser suave e, de preferência, embutida ou difusa. Além disso, inclua móveis como aparadores e espelhos, pois irão garantir elegância e sofisticação.

 

  1. Iluminação

 

Devemos lembrar ainda que a iluminação é outro fator fundamental quando falamos de apartamentos grandes (e qualquer outro tipo de ambiente também). Isso porque, esse elemento será responsável por garantir resultados positivos, além de destacar da maneira certa os objetos, móveis e peças de decoração. Além disso, com a iluminação certa você evita que os ambientes fiquem muito claros ou escuros, sendo importante considerar ainda a iluminação natural e a indicada para cada cômodo. Por exemplo, para a sala, o ideal é apostar em lâmpadas amarelas e dimerizáveis para criar diferentes climas.

 

  1. Móveis importam

 

Devemos lembrar ainda que os lugares para ficar com a família, convidados e relaxar são fundamentais para uma sala. Portanto, ter um sofá confortável e que acomode a todos é essencial, mas isso não significa deixar de lado a personalidade e estilo do ambiente. Além disso, é possível incluir algumas poltronas que acompanhem o design e paleta de cores do local para tornar tudo ainda mais aconchegante. Da mesma forma, pufes elegantes e diferenciados também podem criar uma composição incrível.

 

  1. Distribua os móveis da maneira adequada

 

Diretamente ligado com o tópico anterior, de nada adianta ter móveis bonitos se não estão bem distribuídos no espaço. Isso porque, quando não estão em harmonia, podem fazer com que a sala, o quarto e até mesmo a cozinha, se tornem ambientes sem vida. Portanto, aproveite que o ambiente comporta móveis maiores e invista em sofás, poltronas e cadeiras com medidas maiores. Além disso, ainda existe a possibilidade de combinar estilos diferentes, criando ambientes bonitos, confortáveis e harmônicos.

 

  1. Inclua plantas

 

Além de contribuírem positivamente para a decoração, as plantas dão vida ao ambiente, promovendo até mesmo benefícios para nossa saúde física e mental. Afinal, a interação com a natureza ajuda na redução de estresse e ainda permite você criar laços ainda mais fortes com seu lar. Outro ponto de destaque é que elas podem ajudar você a se distrair do cansaço e correria do dia a dia, seja no momento de cuidados ou contemplação. Mas, é importante comprar espécies que possam se desenvolver em ambientes fechados e estudar o que cada uma delas precisa.

 

  1. Preze pelo aconchego e conforto

 

Por fim, mas não menos importante, é muito importante que você preze pela qualidade dos móveis de seu apartamento grande, priorizando o conforto e aconchego. Contudo, isso não significa deixar a beleza e elegância de lado, sendo importante que tudo converse de maneira harmônica. Afinal, ambientes esteticamente agradáveis também impactam na qualidade de vida e bem-estar, assim como móveis confortáveis e aconchegantes.

 

Então, com as dicas do post de hoje temos certeza que você irá aproveitar da melhor maneira possível os espaços de seu apartamento. Lembre-se de que o conforto e aconchego são fundamentais e isso não significa incluir muitos móveis e objetos decorativos, mas sim utilizá-los de maneira inteligente no ambiente. Além disso, crie um planejamento sólido e faça uma lista de compras, pois assim você garante escolhas mais assertivas e evita desperdiçar seu orçamento.

Estamos no Google News
Melina Lemos

Melina Lemos

Melina Lemos, paulista com a formação em Design de Interiores conseguiu aliar a beleza, a arte e a praticidade na elaboração dos projetos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.